Diário de bordo de Luiz Jr. Fernandes

Morro de São Paulo e seu belíssimo vilarejo

E o que fazer em uma viagem ao Morro de São Paulo?! Confira algumas dicas sobre o vilarejo e uma visão geral básica dos detalhes que virão por aí desse fantástico destino baiano.


Encontre o Post!

Translate it to any language:

Últimos posts

Quando decidi dar um pulinho na Bahia, não sabia bem ao certo qual seria a cereja do bolo. Amo as grandes cidades, sou realmente muito adepto ao turismo em metrópoles, mas no caso de Salvador a história foi um pouco diferente. Eu já conhecia um pouco a fama caótica dessa capital brasileira, mas também tinha a plena convicção que não conhecia nada sobre esse lugar até então. Para fugir então da correria provocada pelos baianos, decidi que seria melhor investir alguns dias em um ótimo destino alternativo que a Bahia me pudesse oferecer. Mas onde?! A resposta veio logo na primeira googlada - Morro de São Paulo era o lugar que eu iria conhecer!

Depois de ler alguns relatos do Maurício Oliveira (Trilhas e Aventuras) e também ter ouvido alguma coisa sobre esse destino vindo da Natália Gastão (Ziga da Zuca), eu comecei a acreditar que poderia ser uma ótima estratégia deixar dois dias para Salvador e cinco para o Morro, esse era então o princípio do planejamento dessa viagem de uma semana.

As minhas primeiras impressões não foram as melhores possíveis, mas logo ao desembarcar no lugar que ficaria por alguns dias, com tempo suficiente para explorar bem a região, mergulhar a vontade, desfrutar da gastronomia baiana e finalmente poderia ter um prazo para merecido descanso. Logo ao chegar no Morro, foi fácil perceber os reflexos históricos em praticamente todo o vilarejo, e principalmente notado logo na entrada, quando cruzamos o portal do Morro e avistamos o antigo forte.

Monumentos Históricos Morro de São Paulo
Alguns dos Monumentos Históricos existentes em Morro de São Paulo

Outros monumentos que são destaque e que merecem sua visita são a Igreja da Nossa Senhora da Luz, que fica bem no comecinho do vilarejo, logo depois que você consegue superar a mega rampa de boas vindas! Também chama a atenção dos visitantes de primeira viagem ao Morro o grande Portal da Rua da Fonte Grande datado do ano de 1746 e a é claro, a própria Fonte Grande, construída neste mesmo ano, responsável pela captação de águas e decantação, tanto do volume proveniente do lençol freático quanto do riacho existente que existe por ali.

Tá ótimo, Luiz, mas vamos direto ao ponto? E quanto ás praias? Bem, deixa eu mostrar um pouco delas para vocês!

Alguns flashes das praias de Morro de São Paulo
Alguns flashes das praias de Morro de São Paulo

São 4 praias nomeadas da forma mais simples possível - a primeira, segunda, terceira e quarta praia, cada uma com seu estilo e atrativos! A primeira é ótima para snorkelling e mergulhos com cilindro - muita vida marinha, belos corais e ondas fortes - ótimas para a prática do surf! A segunda praia é a mais badalada - várias barracas, restaurantes e hotéis ao estilo pé na areia estão localizados por ali: a passarela da foto acima é localizada nesta praia e a corta até a terceira. Agora a praia que mais me senti em casa foi definitivamente a quarta!

Quando a maré está baixa, várias piscinas naturais são formadas no meio dos corais nesta praia. Algumas razinhas, ótimas para brincar com crianças, outras mais fundas, com uns 3 metros nos lugares mais profundos, mas todas com muita vida - peixinhos podem ser alimentados com ração, você pode mergulhar a vontade no meio dos corais, vale muito a pena chegar bem cedinho para ter sua própria piscina natural e exclusiva.

E sabe o que mais?! O pôr do sol é simplesmente incrível!

Pôr do sol sensacional!
Pôr do sol sensacional visto desde a muralha do forte!

Na pracinha do centro do vilarejo ocorre todos os dias uma feirinha de artesanatos. E não é somente de paisagens incríveis que são feitos os atrativos de Morro de São Paulo - é também constituído de muita diversão! As ruas lotam de turistas que ficam perambulando por boa parte da noite do centro até a terceira praia.

A sensação aqui é a batida de frutas - o pessoal das banquinhas chegam a duelar os clientes mimando-os com pedacinhos de várias frutas muito frescas e suculentas. A batida vai ao gosto do cliente - você pode escolher até três tipos de frutas, para serem batidas com ou sem vodka - é simplesmente deliciosíssimo, pena é que o preço era um pouco salgado (8 reais por um copo).

A noite no Morro e delíciosas batidas de frutas
A noite no Morro e delíciosas batidas de frutas

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja seu destino aqui Saiba como anunciar

  Se gostou, então é provável que goste também...

-