Blog Boa Viagem
21/02/2012

Voando desde Joanesburgo até Bangkok com a Thai Airways

A Thai é um das cias aéreas de maior renome não só em sua região de atuação - o Sudeste da Ásia - mas bem como em todo o planeta. E isso não é somente devido ao carisma dos atendentes, a verdade é que a qualidade dos serviços prestados por essa empresa é fantástica. Confira como foi a que me levou de Joanesburgo até Bangkok em um voo de 9 horas e meia nessa cia aérea!

Encontre o Post!

Últimos posts

RBBV

Sempre tive um interesse extremo em conhecer a qualidade dos serviços prestados por uma cia aérea de alto nível tal como a Thai Airways. É claro que não devemos nunca comparar os serviços prestados por uma empresa que voa por cerca de 9.000 kilômetros sem paradas com aquelas que estão a executar os trechos domésticos aos quais já estamos acostumados aqui em nosso país. Viajar por tanto tempo faz com que as empresas criem certos padrões para não decepcionar nos seus serviços. Isso pois não é possível agradar a gregos e troianos ao mesmo tempo, ainda mais quando estão em velocidade de cruzeiro.

O serviço de bordo da Thai é sem comparações - já voei em diversas cias aéreas - mas os serviços prestados por essa empresa não têm concorrentes. Além do carisma dos comissários de voo, a comida deliciosa em todas as refeições, as bebidas sempre servidas ao seu momento, a Thai dá um show com a estrutura que disponibiliza em voo - e isso foi sentido em uma viagem na classe econômica!

E logo ao adentrar o Boeing que me levaria até a capital da Tailândia um fato já esperado me alertava - em algumas horas estaria pisando em um país comandado por um Rei e seria minha primeira vez vivendo alguns dias em um país onde o regime político dominante é a monarquia. A própria revista de bordo já alertava - o Rei é um popstar na Tailândia!

O rei da Tailândia estampa a revista de bordo
O rei da Tailândia estampa a revista de bordo

E até fui alterado por alguns amigos que já conheciam esse país - o rei é idolatrado por essas bandas! Eu não acreditava que seria da forma que realmente eles vivem, mas nos próximos posts vamos falar um pouco mais sobre essa idolatria e principalmente sobre a realidade á qual as pessoas se submetem vivendo o dogma imposto por uma monarquia no século XXI.

O cardápio das refeições feitas a bordo é praticamente o mesmo em todos os voos. Ao menos no caso dessa viagem, detectei que tanto na ida quanto na volta, as opções para comer são as mesmas. O serviço de bordo é muito bem sincronizado com a altura percorrida no percurso, mas não deixa a desejar em hipótese alguma! No meu caso sempre pedia frango, pois não consigo me acostumar com a idéia de que outro tipo de comida caí bem em um voo de nove horas seguidas.

Comes e bebes na Thai Airways
Comes e bebes na Thai Airways

Falando em serviço de bordo - o pessoal da Thai é treinado para ser atencioso! Sempre antes de cada refeição eles passam com toalhas quentes para a higiene pessoal das mãos - nunca havia visto isso antes! E com relação a bebidas eles são categóricos - servem umas duas ou três vezes e não fazem repetecos durante a madrugada (sim o voo é noturno) - e até é de se entender pois ninguém gostaria de ter um bêbado enjuado em um voo tão longo, então logo depois eles suspendem o atendimento na classe econômica com bebidas alcoolicas e no máximo te oferecem um suco, ou um refrigerante.

O que mais me fascinou no entanto eram justamente os lugares do planeta em que sobrevoávamos enquanto nos deslocávamos até Bangkok - poxa vida quero muito voltar em lugares como as Maldivas e principalmente nas ilhas Seychelles, onde supostamente seria o jardim do Éden (imaginem se é bonito!)

Voo noturno da Thai de Joanesburgo a Bangkok
Voo noturno da Thai de Joanesburgo a Bangkok

E sempre que viajo longas distâncias, quando não consigo dormir em voo, sempre gosto de ficar de olho no deslocamento do voo - justamente para saber que sobrevoei lugares como os citados anteriormente. Mas com relação ao entretenimento a bordo a Thai também não deixa a desejar - cada poltrona possui um monitor LCD com um gigantesco acervo de vídeos, seriados, filmes e músicas para preencher com sucesso as nove horas e meia de voo que conectam Joanesburgo até Bangkok. E não é fácil se entreter durante tanto tempo quando não se consegue dormir - o voo é realmente a parte mais desgastante de uma viagem como essa!

9.000 kilômetros depois...
9.000 kilômetros depois...

E depois de vários filmes, comidas, idas e voltas ao banheiro seguidas de caminhadas pela cabine, enfim vencemos a distância que ligava África á Ásia e a aterrisagem começava. Para um voo que partia da África ás 4 da tarde, estávamos chegando por volta das 5:30 da manhã no Aeroporto Internacional de Suvarnabhumi na capital da Tailândia - Bangkok. A pontualidade foi incrível, o voo mais ainda, sinceramente todos os créditos devem ser atribuidos a essa cia aérea que zela acima de tudo pela qualidade dos serviços prestados.

E ao fim do voo um show a parte no Boeing da Thai - a cabine inteira se iluminou com as cores tradicionais da logomarca dessa empresa - o roxo, amarelo-laranja e tons azulados - simplesmente fantástico.

Show de iluminação no avião da Thai Airways
Show de iluminação no avião da Thai Airways

A pegadinha do health Control

Logo ao desembarcar no aeroporto tailândes, a primeira pegadinha da viagem - o controle de saúde. Todos os cidadãos brasileiros estão isentos da necessidade de visto para adentrar o Reino da Tailândia, mas existe um detalhe bem interessante a ser verificado - você deve obrigatoriamente portar seu documento internacional de vacinação - só assim sua entrada na Tailândia será efetivada. Antes mesmo de se dirigir para a fila da imigração, siga as setas até o Health Control mais próximo. Todos os latino americanos devem apresentar a carteirinha de vacinação internacional com a dose de febre amarela em dia!

Health Control - Bangkok - Tailândia
E o Health Control faz muita gente pegar fila 2 vezes...

E não adianta querer ser o primeiro a fazer a imigração! Quem vai direto pra fila sem antes passar no Health Control pega fila duas vezes. Isso pois essa é a validação do seu comprovante de vacinação e só assim você terá condições de receber o carimbo tailândes no seu passaporte. Detalhe simples mas que atrasa a vida de muitos brasileiros desavisados.

Nos próximos posts confira as minhas primeiras impressões sobre o continente asiático e acima de tudo sobre esse país que tanto me encantou! Muito mais sobre a Tailândia e o Sudeste Asiático nos capítulos que virão, não deixem de acompanhar, compartilhar, curtir, comentar e recomendar o Blog Boa Viagem ;)

Luiz Jr. Fernandes

Analista de TI, empresário, fotógrafo e viajante.
Perfil do autor no , facebook e twitter.

Veja seu destino aqui Saiba como anunciar

  Se gostou, então é provável que goste também...

-